30 de set de 2010

Fofucho Papai Noel

Boa Noite!

Estamos muito felizes em mostrar para vocês nosso primeiro fofucho... ok que está um pouco cedo para o Natal, mas foi uma idéia que surgiu e como tantas outras, se não for executada é esquecida. Ainda temos muito que melhorar, mas para o primeiro e sem molde, está bom né?

Pena que nossa máquina fotográfica seja tão ruim e que os detalhes das pinhas que estão aos pés do Noel seja difícil de distinguir.

Fiquem com Deus;
Letícia e Liádina

13 de set de 2010

EVA

Olá, hoje venho para mostrar umas forminhas porta-docinhos feitas em EVA. As fotos estão péssimas, mas assim que possível trocarei por fotos melhores. Esses foram os meus primeiros trabalhos solo em EVA, os outros foram no curso de Flores em EVA que a Mundi flores ministrou aqui em POA.


11 de set de 2010

Crochê

Boa tarde e um excelente findi para todos, apesar de aqui no Sul estar chovendo, de novo....
Venho hoje para mostrar alguns trabalhinhos em cochê...
Bolsa em ponto pipoca, copiada e adaptada da revista: Trabalhos em Crochê - Especial Bolsas nº 3
Bolsa retirada da Revista: Trabalhos em Crochê - Especial Bolsas nº 6

Ponchinho ou pelerine em Crochê

Ponchinho ou Pelerine em cochê (detalhe do ponto)
Xale em ponto segredo

Detalhe do chale em ponto segredo
Jogo de banheiro retirado da revista: Trabalho em Barbante - Banheiros e Cozinhas nº 58

Bolero branco  - este bolero eu fiz seguindo as vídeo aulas que a Ivy's publicou no You Tube.
http://ivyscreationscrochet.com/
Esse é o link do site da Ivy's para quem quiser aprender mais um montão de coisas que ela está ensinando.
Agradeço a Deus por pessoas como a Ivy's e a Elaine (http://elainecroche.blogspot.com/) que passam seus conhecimentos em vídeo aulas. Foi atravéz dos vídeos delas que aprendi como juntar os pontinhos que eu sabia fazer, mas quando juntava tudo, era um terror. 

10 de set de 2010

Macramé ou macramê

Boa noite, hoje estou escrevendo mais tarde um pouquinho, venho para falar um pouquinho de macramê, para quem não conhece macramê é um monte de nozinhos feitos de várias maneiras diferentes. Para quem nunca fez macramê, recomendo tentar, é uma terapia maravilhosa... as vezes a gente se enrola nas linhas, mas é muito legal, tenho poucas fotos dos meus trabalhos, na verdade apenas 2. 


Para quem tiver interesse em aprender, tem muitos blogs legais com passo-a-passo, segue alguns:

Um bom e abençoado final de semana a todos.
Lelia

9 de set de 2010

Grampada ou Crochê de Grampo

Bom dia, pessoal... hoje venho para falar um pouquinho de grampada ou crochê de grampo para quem preferir. Meu aprendizado no crochê começou por ai... estranho dizer que aprendi crochê através da grampada, mas é a mais pura realidade, através dela é que me empolguei para o crochê.
Sempre amei crochê, sabia fazer a correntinha, o ponto alto, o ponto baixo e o baixíssimo, mas quando juntava tudo, era um horror, todo torto, começava com 40 pontos e terminava com 10 ou com 200... hehehehe.
Costumo brincar que artesanato é feito de 10% dom, 50% criatividade e 40% bom gosto. E comecei na grampada com os 50%... em pleno domingo a tarde, daqueles domingos bem sem graça, que não se tem nada para fazer... eu queria fazer alguma coisa, não agüentava mais ficar parada... só que em pleno domingo a tarde a gente não encontra nada aberto para comprar nada, quem dirá, uma agulha de grampada...
E como fazer grampada sem uma agulha de grampada? Eu respondo: "Com 2 agulhas de tricô e 2 pedacinhos de isopor". Isso mesmo, essa foi a minha primeira agulha de grampada... eu sabia que a grampada era feita em uma agulha que parecia um U (minha vizinha tem uma assim) e que era necessário duas hastes paralelas para se fazer a grampada, então peguei 2 pedaços de isopor e passei as agulhas de tricô por eles... foi a minha primeira agulha de grampada, e para quem acha isso não deu certo, fiz essa blusa verde com ela, além de 2 mantas que dei de presente e uma blusa preta, igual a verde, mas já dei a blusa preta e as 2 mantas de presente, só restou essa blusa verde para contar a história.
Para quem quiser aprender crochê de grampo pode ver o PAP que tem no blog da Luluzinha: http://lubarin.blogspot.com/2007/07/passo-passo-da-grampada.html, foi lá que aprendi a fazer grampada e copiei a blusa verde.

Abaixo algumas bolsas que fiz, mas agora com agulha de grampada mesmo, ganhei uma de presente da minha mãe.

Ecobag by LeLia Artesanatos
Toda feita em cordão nº 8, aguenta muuuiiito peso.

Versão preta, encomenda de uma amiga
Bolsinha de festa com forro em Cetim.

8 de set de 2010

Passo-a-passo - Sacolado ou Técnica da Sacola

Bom dia pessoal, esse é o primeiro passo-a-passo que iremos postar, esperamos que no futuro tenhamos muitas novidades e muitos passo-a-passo para postar para vocês....

Essa é para quem gosta de caixas de mdf, não lembramos de onde veio essa idéia, mas não foi nossa, copiamos de algum lugar ou alguma amiga nos deu a dica, então se alguém é o criador dessa idéia, é só entrar em contato conosco que daremos todos os créditos.

Costumamos chamar de técnica da sacola... pq é muito legal, fácil e é feito com uma sacolinha de plástico.
Neste PAP estamos usando:

Rolinho de espuma
Pincel
Tinta PVA fosca da Acrilex: 508 - vermelho escarlate e 525 - camurça
Sacolinha plástica

Gostamos muito da combinação do vermelho com o camurça, fica bem legal....`
É importante para a técnica ter sucesso aplicar sempre a cor mais clara por baixo e a mais escura por cima.

Nesse caso aplicamos o camurça em toda a caixa e faremos o sacolado com a cor vermelha.

A preparação da peça é igual a qualquer outra técnica que você fizer, uma demão de fundo, lixar para retirar as imperfeições, limpar com pano seco e aplica a cor desejada.

Pegue uma sacolinha plástica e corte as alças e o fundo, para evitar que essas partes fiquem marcadas na sua caixinha. Para peças pequenas como as caixas que iremos demonstrar não é necessário fazer esses cortes, mas para peças grandes é necessário, pois as alças e o fundo atrapalham.
Amasse a sacolinha, como mostra a imagem. Deixe ela amassadinha ao lado enquanto estiver pintando a sua caixinha.

Aplique uma demão de tinta vermelho escarlate em toda a área que deseja fazer o sacolado. Não é necessário passar o rolinho na área do sacolado, o próprio sacolado retira as imperfeições do pincel.
Abra um pouco a sacola e com a tinta ainda molhada aplique sobre a tinta, observando para que toda a área da tinta entre em contato com a sacolinha amassada.
Passe a mão por cima da sacola, mas não esfregue a sacola na peça.
Deixe a sacola sobre a peça alguns segundo e retire. O efeito que fica é bem legal.
Se você preparar a sua caixa com fundo branco, por exemplo, você pode aplicar apenas uma demão de camurça na área que receberá o sacolado.
Não esqueça de fazer a mesma coisa nas laterais da caixa.
Decore de acordo com a sua imaginação.             Pode ser com decoupage, apliques, eva, e o que mais você quiser.


6 de set de 2010

Agulhas CLOVER

Você é amante de crochê??? Pois é, eu também sou...
Aliás aprendi a “crochetar” faz um pouquinho mais de 1 ano e foi através de blogs. Pesquisei muito, assisti muitos vídeos, copiei algumas peças, inventei outras e hoje já sou capaz de fazer quase qualquer peça. Digo quase, pois até hoje não consegui fazer um tapete redondo de sapinho todo em ponto baixo, sem que as pontas não virassem para dentro e ficasse parecendo uma boina gigante.... e verde.

Nessas minhas pesquisas descobri as agulhas Clover. Você conhece?

Muitas crocheteiras e blogueiras falavam muito bem em relação a elas: que eram ergonômicas e anatômicas, não davam "aquela dor" nos dedos e mãos... Naturalmente fiquei super curiosa, porque mesmo eu não sendo uma "crocheteira daquelas" também sentia dores nos dedos e ficava com aquelas marcas profundas no cantinho do dedão. Aqui no Brasil essas agulhas tem um precinho bem salgadinho, entre 25,00 e 35,00 reais cada uma contra os um real e pouquinho das agulhas comuns.... Gente, vocês sabem que “nem tudo que reluz é ouro” e “nem tudo que balança cai”, minha irmã Letícia foi estudar nos EUA e eu não poderia deixar de pedir que ela trouxesse as tão famosas agulhas Clover para mim... pena que ela só encontrou as agulhas mais grossas de 3,5mm a 5,0mm e eu gosto mais de trabalhar com linha e não com cordão...

Realmente essas agulhas são maravilhosas e todo trabalho que eu tenha de usar a agulha 3,0 eu uso a 3,5 e tudo o que li a respeito delas é verdade, ainda mais para trabalhar com cordão... Perfeitas!
Quem adora crochetar e tem condições de comprar agulhas Clover, deve comprá-las. Elas valem cada centavo.

Abaixo uma foto dessas maravilhosas agulhas...